IMPLANTE DENTÁRIO DÓI? – Bibancos %

IMPLANTE DENTÁRIO DÓI?

IMPLANTE DENTÁRIO DÓI?

Bibancos Odontologia

No século 17, pesquisadores começaram a experimentar implantes dentários feitos a partir de ouro e outras ligas metálicas, mas não obtiveram sucesso, pois o osso rejeitava esse tipo de implante.

Até que na década de 60, o professor Brånemark idealizou o implante dentário com base de titânio. ele verificou que o titânio, diferente de outros materiais, possibilitava a osseointegração!

Essa mudança de material fez subir para 95% a taxa de sucesso de um implante dentário e, normalmente, os problemas com o implante surgem de forma individual, como por exemplo, a má higienização, capaz de causar doenças periodontais.Com o passar do tempo essa técnica evoluiu.

No início os implantes levavam cerca de seis horas para serem feitos, a cirurgia era realizada em hospitais e o paciente precisava receber anestesia geral.

Atualmente um procedimento com o mesmo resultado, feito com os mesmos materiais, é realizado em 30 minutos na cadeira do consultório odontológico.

Mas colocar implante dói? quais os problemas que podem surgir? todo mundo pode fazer esse tratamento?

Talvez essa seja a questão mais comum quando o assunto é o implante dental.

O medo de sentir dor pode ser o ponto crucial na decisão entre passar ou não pela cirurgia. 

Algumas pessoas podem pensar que implante dentário dói por causa da perfuração do osso para inserção dos implantes, mas na realidade o osso não possui terminação nervosa.

Em geral, a colocação de implantes dentários costuma ser mais simples do que muita gente imagina e todo o procedimento cirúrgico é realizado sob anestesia local e o paciente não deve sentir nenhuma dor.

Também existe uma preocupação das pessoas se o implante dentário dói após o procedimento.
Após sua colocação, o dentista vai recomendar um medicamento, que vai desde analgésico até um antibiótico e ou antiinflamatório.

Mas não se preocupe. O pós-operatório é tranquilo.
seu dentista também deve passar orientações sobre alimentação, higienização bucal e esforços nos primeiros dias.
quase sempre o paciente é liberado para realizar suas atividades normais já no dia seguinte, claro com algumas ressalvas que serão passadas no pós-operatório.

Uma doença que pode ocasionar dor é a periimplantite.

A periimplantite é uma doença infecciosa, causada por bactérias da placa bacteriana.
Essas bactérias acumuladas nos implantes provocam inflamação nos tecidos ao seu redor, levando a destruição do osso ao qual o implante está aderido. você não vai sentir dor no implante, mas sim o redor dele. se não tratada, pode ser que o implante seja perdido.

Para evitar é fundamental a correta higienização do implante!

Para que o procedimento tenha sucesso, é fundamental o planejamento da cirurgia dos implantes. Ele deve ser elaborado e executado por um especialista, o implantodontista.

Quando bem planejada e executada por um profissional experiente, a cirurgia é realizada de forma mais precisa, evitando danos adicionais e desnecessários aos tecidos ósseo e gengival, e claro, com a segurança que você merece.



Olá, utilizamos cookies para melhorar sua experiência! Ao continuar navegando, você concorda com sua utilização.

Saiba mais Ok